História de Projetos (Final do século 19 e começo do 20)

Henry Gantt e Frederick Winslow Taylor

História de Projetos (Final do século 19 e começo do 20)

Nos Estados Unidos, o "pai" da gerência de projeto é Henry Gantt (1861-1919), chamado o pai de técnicas do planejamento e do controle, que é conhecido pelo uso do gráfico de barras como uma ferramenta de gerência do projeto

Desenvolvido em 1917 pelo engenheiro mecânico Henry Gantt, esse gráfico é utilizado como uma ferramenta de controle de produção. Nele podem ser visualizadas as tarefas de cada membro de uma equipe, bem como o tempo utilizado para cumpri-la. Assim, pode-se analisar o empenho de cada membro no grupo, desde que estejam associados, à tarefa, como um recurso necessário ao desempenho dela.


Associado a esta ideia, está o fato de esta forma de representação gráfica, das atividades de um projeto, permitir, ainda, avaliar os seus custos, resultante do consumo de recursos necessários à conclusão de cada uma de suas tarefas. A forma de balizar o desempenho do projeto, por medição relativa entre o tempo decorrido, e o grau atual de conclusão da tarefa, perante o previsto, e a partir do diagrama de Gantt, permite tirar conclusões sobre o seu desempenho em termos de custo e prazo.


Os anos 1950 marcam o começo da era moderna da gerência de projeto. Nos Estados Unidos, antes dos anos 50, os projetos eram controlados basicamente através da utilização dos gráficos de Gantt, técnicas informais e ferramentas.


Já no início do século 20, com a necessidade de maximizar a produção e não precisar utilizar mais trabalhadores ou exigir mais horas de serviço, “Frederick Taylor aplicou o raciocínio científico para mostrar que o trabalho pode ser analisado e melhorado focando em suas partes elementares”, ou seja, quebrou os elementos de um processo para criar as tarefas. Por sua grande contribuição a esta nova abordagem e delimitação de um novo patamar na disciplina de gestão de projetos, Frederick foi considerado o "O pai do gerenciamento científico", inscrição que esta presente em seu túmulo.


As ferramentas de gerência de projetos de Gantt, associado às teorias de Frederick Taylor de administração científica, e para seu estudo do trabalho e da gerência do edifício do navio da marinha. Seu trabalho é o precursor a muitas ferramentas gerenciais modernas do projeto, tais como a WBS (Work Breakdown Structure) ou em português EAP (Estrutura Analítica do Projeto) de recurso que avalia o trabalho.



Deixe seu comentário, contato e se assine nossos Cursos de Negócios Premium.

3 visualizações
CONTATO

SKYPE: lyneclass 

E-MAIL: lyneclass@lyneclass.com.br 

  • Facebook Lyneclass
  • Instagram Lyneclass
  • Youtube Lyneclass
  • Twitter Lyneclass
  • Pinterest Lyneclass

LYNECLASS © 2018 - Todos os direitos reservados